sábado, 14 de março de 2009

Cinismo, até sim... hipocrisia não!

CINISMO, ATÉ SIM… HIPOCRISIA NÃO!



- Mas, chefe, será que não dá mesmo pr’a eu ficar… mesmo com menos horas? A empresa, sabemo-lo, até que tem tido imensos lucros. Só agora as encomendas amainaram.
- Senhor António, sei que o senhor tem aqui muitos anos de serviço e que ainda não criou os filhos todos, sei disso. Falei nisso ao patrão, mas ele diz que não pode fazer nada por si. Nem por si nem pelos colegas que já aqui estiveram. Alguém tem que sair, senhor António. Diz o patrão, que se não mantiver este nível de rendimento não pode alimentar os desejos a que habituou os filhos. Que os filhos não têm culpa que os tenha criado assim. O do meio, por exemplo, quer juntar à colecção o último modelo do Porsche Carrera.
E mais disse o patrão ao chefe, que o sei porque estava lá, calhou, e ouvi: diga-lhes, senhor Américo, que prefiro ser cínico a hipócrita. Diga-lhes a verdade!... Os meus filhos têm direito àquilo a que os habituei. Eles não têm culpa.




Carlos Jesus Gil

15 comentários:

Je Vois la Vie en Vert disse...

Filho que, provavelmente, não sabe o que é trabalhar, só sabe pôr o Porsche a trabalhar ... e vá lá ... aprendeu a meter gasolina super porque há pouco gasolineiros porque ... ter empregados custa muito caro aos donos dos Porsches Carrera ...

Bom FDS

Beijinhos verdinhos

P.S. Por acaso, até se ganhasse o Euromilhões, não compraria um Porsche, nem um carro desportivo porque sentiria-me "rebaixada". Acho que compraria antes um daqueles jeeps muito altos com rodas enormes para "dominar"...
:D
:)
LOL

loirinhaquenãoédeaveiro disse...

E é assim que muitos empresários descapitalizam as empresas e depois procedem a despedimentos.

Bj

Mariazita disse...

Evidentemente! Os filhos nunca, (salvo raras excepções) nunca têm culpa. Os papazinhos é que os formaram, que lhes deram, primeiro, o ser, depois, alimentação, e finalmente (des) educação.
Criou-se o mito de que os filhos devem ter tudo o que os pais não tiveram, especialmente em determinadas classes sociais.
De acordo com este pensamento os pais fazem todos os sacrifícios para dar aos filhos um nível de vida que eles próprios nunca sonharam ter.
Querem sacrificar-se ?...problema deles! O pior é quando, como no caso deste texto, estão a sacrificar também aqueles que deles dependem para sobreviver (não já para viver).

Talvez um dilúvio seja a solução!

Bjs
Mariazita

Peter Pan disse...

Genial Amigo:
Lamentável, pura e simplesmente.
Ao dar viva voz a este Post sensível e da realidade que se observa hoje em dia, mostra a gradeza de carácter que possui em si, admirável amigo...
Acontece, cada vez mais...

Abraço de cordial de amizade...
Incrédulo pela situação descrita que me enche pleno de revolta...sim? Sucede em pleno séc.XXI, "civilizado" e com "Direitos Humanos"...só não os vejo...?

pena

Pena disse...

Admirável Amigo:
Como diz o Peter Pan(O meu heterónimo de Pena) venho humildemente, dedicar-lhe toda a minha admiração, pelo fantástico Ser Humano gigante que é.
É com atitudes como esta que descreve, que se descobre a hipócrisia, o cinismo, a falta de solidariedade e o desrespeito pela autêntica Cidadania que as pessoas deviam trazer sempre consigo.
Deu um exemplo de grandiosa atitude como Ser Humano fabuloso.
Abraço do maior respeito e estima para si.
Sempre a lê-lo com apurado interesse e a ouvi-lo com imensa atenção...
Cordilamente...

pena

Bem-Haja, extraordinário amigo!

Luiz Caio disse...

Ólá caro amigo! Como vai?

Creio que há um grande equívoco na atitude deste sincéro e cinico patrão!... Para sobresair-se à uma crise financeira, há em primeiro lugar que se cortar os gastos supérfluos, e não aqueles que ainda que em menor proporção, lhe possam trazer algum lucro...

É POR ESSAS E POR OUTRAS QUE ESSE PESSOAL, QUANDO PERDEM TUDO PREFEREM SE MATAR À ENFRENTAR A NOVA REALIDADE EM QUE SE ENCONTRAM... REALIDADE PARA ELES NÃO EXISTE!

TENHA UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA!

ϟ Camila S. ¬ disse...

Haa pensei que os filhos dele iam passar fome!

Salamandra disse...

Isto é o mundo em que nós vivemos, sem respeito.
Salvar as aparências nem que para isso se sacrifique várias familias mas o porsche fica!!!

Um abraço
salamandra

dragao vila pouca disse...

Tudo bem Gil, mas não precisas de exagerar...

Um abraço

batutaemeia disse...

Sim, nós sabemos que muitas empresas são descvapitalizadas e vão à falência porque os patrões utilizam todo o lucro a comprar tudo aos filhos, o que precisam e o que não precisam.

Bom fim-de-semana

Daniel Savio disse...

Fala sério, e os filhos Antonio não tem direito a comer?

Que o filho do patrão queira o porsche ainda vá, mas use o dinheiro que ele ganhe.

Fique com Deus, menino Carlos.
Um abraço.

stériuéré disse...

Mais um exemplo de que os nossos filhos são um reflexo do que vêem nos pais.
Pena é, alguns não terem moral nem capacidades para os educar como deve ser....

linda disse...

Acredito que haja muitos empresários assim, sem escrúpulos, sem consciência social. Quando as empresas podem aguentar algm tempo acho que devem fazê-lo. despedir porque desperdiça~m dinheiro com os caprichos dos filhos, está mal.

aa disse...

Olá Carlos, boa noite!
Acredito que este post demonstre o que se passa hoje em dia em grandes empresas... onde a parte Humana é completamente posta de lado... onde só se olha para o próprio 'umbigo' e do restante núcleo familiar (mais propriamente casal e filhos) e os empregados... esses que contribuíram durante anos para o crescimento e desenvolvimento da empresa são mandados para a rua como se não tivessem também eles filhos... mas esses nunca poderão ter o Porsche... e se tiverem um carrinho que ande já é muito bom...
E é assim que uns vão enriquecendo (sem nunca baixarem o nível de vida) e outros vão contribuindo para a taxa de desemprego...
Boa semana!
Beijos,

AA

Laurindo disse...

Plenamente de acordo com este post e com o que diz a AA.