segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Conto que parece inacabado

CONTO QUE PARECE INACABADO




Podia rechaçá-los com a facilidade com que, antes do cavalo, troianos rechaçaram “gregos” naquela factual, ou não, batalha do simultaneamente belo e brutal, como todos os outros, mundo clássico… Qual quê?!! Comparação impossível! Nem sequer se trataria de facilidade; facilidade requer esforço… algum. Seria tal a ausência de dificuldade, que o vocábulo fácil, ou qualquer outro da sua família, não acolhe a tradução do não esforço total necessário ao arremesso de.
Podia, mas não o fez! Fez, sim… é que d’ele se trata, não de mim. A mim, todo o esforço do mundo de nada serviria. Eles avançariam, eles irromperiam muralhas adentro como espada amolada em guerreiro sem armadura.
Teria sido tão fácil metê-los a todos na linha!... Um estalar de dedos… nem tanto… só um toque… menos, só um processo mental. Entanto, preferiu tocar piano. Eles perturbavam, mas ele tocava piano!
E é o que tem feito desde então; é o que já fazia; é o que fará. Toca piano. Umas vezes piano, outras forte.




Carlos Jesus Gil

17 comentários:

Anónimo disse...

Tàs a falar do Obama ou do supremo criador

Daniel Savio disse...

Cara, infleizmente cada governante representa a tua nação, mas no final das contas como um bom governante pode mudar uma cultura errada de um dia para outro?

Fique com Deus, menino Carlos.
Um abraço.

Flor disse...

Tenho q voltar!!!
Este Blog tá ser o reflexo dos tempos q se vivem hoje...Há alturas q parece a Assembeia da República;tds tratam mal tds e nada se faz...Realmente se olharem à vossa volta se calhar,ou não,sentem o q eu sinto;as Pessoas andam à deriva..."vazias"...não consigo explicar,sinto!!!

...Eles "Matam-m" p te atingir e Tu tocas Piano!!!tou a Brincar...Adoro ser criticada por quem de direito,cm agora sei q foi o caso;dá-me uma certa importência,notarem q existo...Gosto é q me apontem as falhas p me ajudarem a ser "Melhor"...Por isso Dexter devia ter tido seguimento a critica à minha Pessoa,cm outras q são feitas aqui a outros...Mas acredite começo a Gostar de si!!!

O meu conto inacabado...Dedicado ao Gil,Dexter e Anónimo Zé...

Imaginemos um Bar esplendoroso...com o Palco mais belo q alguma vez viram na vossa vida...nesse Palco existia um Piano,do qual saiam notas soltas das teclas "dedilhadas" pelo Gil...Ele Tocava,sorria e divertia-se cm ninguém mais...pois sabia q nós três ali presentes nessa noite,pq nos conhecia,não iamos resistir...assim subimos ao Palco e acompanhamos O Gil na sua Música!!!Tipo de música nesse Bar e apesar de mtos não gostarem,inclusive o Pianista ñ apreciar mto,Jazz...pq nós três ñ nos conhecemos,e cm a Beleza do jazz impera em ser "ouvido" ao vivo,pelos melhores com a sua Capacidade de Improviso...
...Lá fomos Improvisando e Tocando...Eu a menos experiente e sentindo-me intimidada com a "Magnificência" dos q me acompanhavam,lá fui desafinando...perdendo-me em certos compassos...mas acompanhei sem desistir...
(...)...Qual a Qualidade do quarteto???!!!...conto inacabado...Fica ao vosso critério...se alguém quiser q o termine...

Dexter...q dizer a si???!!!...Poucos me deixam sem Palavras...

Dexter disse...

Flor...eu tb gosto de si.
Os seus comentários é que são uma verdadeira seca. Longos...e com pouco conteúdo. Como diz o ditado..."muita parra e pouca uva". Entende o que eu quero dizer Flor ?

Anónimo disse...

Tenho lido alguns coments , e por sinal da mesma autora, que me dao prazer em ler, a este agora sò me ocorre um antigo ditado; Presunçao e àgua benta...

feliz Natal para todos!

Anónimo disse...

Podem ser longos Dexter,desculpe mas não concordo com a falta de conteúdo.Existe sempre uma mensagem nos mesmos,leia com atenção!A Flor já nos deu comentários simples directos mas outros onde realmente é de louvar a sua capacidade de imaginação e de recriar noutros textos o texto do "Autor".
As vossas criticas e o vossa Presunção,utilizando as palavras do anónimo anterior,é que vão acabar por afastar todos deste Blog.Consegue entender?
Claro que no quarteto apesar de desafinar,Flor fica a sua Humildade e Força de não desistir!
Eu gosto de ler o que escreve...

Anónimo disse...

O anonimo das 16h02 é a Flor disfarçada

dr. Amilcar disse...

o anonimo das 19:03 do dia 21, em minha opinião tem a interpretação correta, tirando a parte do obama, estive a pensar muito e so consigo chegar a conclusão dele.

Flor disse...

Carlos Gil...APANHEI-TE!!!1 dia explico cm foi fácil...
Já m deram nome d Pseudónimo,Seca e agora Anónimo?!?!...dasssss...a paciência esgota!!!!!........
Fico triste q ñ tenham percebido o meu desespero n coment ao post carta junto c as minhas lágrimas...ñ tenham percebido o qto é fácil escrever cm o Grande Saramago pegando n Biblia cm eu fiz c o meu nascimento...ñ tenham entendido o conteúdo qdo m referi ao Filme Fiel Jardineiro,as pragas q tto dinheiro dão a certos laboratórios e fazem c q dd manipulação d virus,bactérias e pior genética,encham os bolsos d certas gentes...quem sabe gentes q tenham andado por copenhaga??!!

Vou ter a honra d terminar o conto; pq sinceramente já ñ sei s é o "palco" q é bom demais p mim ou eu boa demais p este palco...vou reflectir e ñ percam tempo pq nada do q possam dizer m interessa;sei auto-criticar-m...
(...)Qdo m apercebi q tava a causar mto "ruido" c a minha desafinação,fui-m encostando as cortinas tb deslumbrantes daquele palco,e retirei-m através d mmas...aí a música tornou-s PERFEITA!!!...
S m Permitem e peço desculpa p´mm e por td incomodo...RETIRO-ME PQ ESTE Ñ É MM O MEU PALCO.
Vou terminar ignorando algumas coisas e Pessoas c 1 ABRAÇO ENORME a tds q trabalham neste Natal.Especialmente a tds voluntários q deixam o conforto d suas casas sem retorno monetário,mas c o retorno d 1 Coração a transbordar d Alegria...Mais Especial 1 cadito p´tds Bombeiros Voluntários,q apesar d afastada d mms, continuam naquele cantinho d meu coração!!!Em memória d velhos tempos e outros Natais...

P.S.Caro anónimo das 17h,já devia ter entendido q ñ m escondo!!!Mal ou Bem...A essa hora tava a sonhar c o sexo d anjos...apesar d ñ entender pq s discute o mm visto terem tds nomes d Homem...Gabriel,Rafael,Miguel...é q espera-m 1 nte d trabalho p´frente...
SEM MAIS...FLOR.

Táxi Pluvioso disse...

Pianíssimo, numa época allegro com brio (o telefone pode estar sob escuta).

UM FELIZ NATAL

Tomas de Alencar disse...

Ola rapazes!

Andava por aqui a passear e encontrei este magnifico sitio!!
Pois acho que vou ficar por aqui e tentar escrever e dar a minha humilde mas sincera colaboraçao.
O dono do sitio tem grandeza,a sua escrita inteligente, vejo que é pessoa de outras andanças; pena tenho em nao o ter conhecido nos meus tempos de juventude,sim porque tambem jà escrevi umas coisitas,nao sei se ainda sao conhecidas,mas mais tarde terei oportunidade de falar sobre elas.

Sobre a menssagen do autor e tambem dos comentarios vou rabiscar umas ideias e apresenta-las mais tarde.(Bom isto se voltar a encontrar este sitio, as coisas estao muito diferentes dos meus tempos).

Anónimo Zé disse...

Honrado pela deferência da Flor e pelo convite para um copo no jazz-bar, confesso que imediatamente me veio à cabeça a imagem de Ilsa no Rick's Bar de Casablanca pedindo ao pianista " play it again Sam ", celebérrima frase antecedendo " As time goes by ". Bela história de amor em tempos de guerra, este Casablanca, com Bogart e Bergman no seu melhor. Por isso, não se vá embora Flor, "play it again", não abandone a tertúlia, faça do Gil o seu Sam afagando o teclado, cantarolando " a kiss is just a kiss... a sign is just a sign...". Neste mundo traiçoeiro precisamos cantar o Amor e a Amizade, revigorar emoções positivas, resistir aos que delas escarnecem. Que belo aquecimento global poderíamos debater se esse aquecimento fosse de sentimentos nobres, de cooperação entre os povos da Terra, de fraternidade e compreensão!
Feliz Natal a todos...

Mariazita disse...

Esta é a minha mensagem de Natal e Ano Novo:

- Que este Natal o teu coração se faça mais puro
Para tornar melhor o Natal do futuro.

Um santo e feliz Natal na companhia dos teus entes mais queridos.
Um 2010 com mais Paz, mais Amor, e mais Luz nos nossos corações.

Abraço fraterno e beijo
Mariazita

Convido-te a ver os posts de Natal aqui:
A CASA DA MARIQUINHAS
HISTÓRIAS DE ENCANTAR

batutaemeia disse...

Bom Natal para todos. Quanto ao post também comungo da opinião do primeiro comentador. Eu penso que o escrito se refere ao Supremo Criador.

Tomas de Alencar disse...

olà novamente!

Pois meu rapaz ,( permite-me que te trate assim, pois certamente seràs muito mais novo que eu)estive a pensar no teu texto, (ao mesmo tempo andei a dar umas voltitas ao passado deste sitio )e realmente sò consigo chegar a duas conclusoes:
-primeiro ou "Ele"nao acha que o problema seja importante , ao ponto de interromper a sua composiçao (presumo que tambem seja compositor)ou entao:

- segundo, "Ele" confia no bom senso deles e sabe que o que quer que seja que exista nao serà preciso a sua intervençao.

PS.
Notei algum desapontamento no ultimo comentàrio desta rapariga, que tambem por aqui anda,a Flor, e nao posso deixar passar sem lhe dar a minha humilde opiniao:
Flor nao deixe de comentar neste sitio, você escreve com o coraçao, e o conteùdo ou nao , do texto tambem està em quem o interpreta, o mesto texto tem sempre varias interpretaçoes.
Nota-se que você tem uma alma grande ;( e olhe que de almas percebo eu)Jà li muita coisa e tambem escrevi umas coisitas, por isso sei do que falo.
Portanto:
Comente.

Como nao tenho que fazer vou andar por aqui,tenho muito que ler.


Até breve.

Tomas de Alencar disse...

Ola Rapazes!

Para o Dexter,um pequeno exercicio de reflexao:
"Era um velho pescador, a quem a sorte abandonara,jà havia muitas marés,hà custa disso jà perdera a sua fiel companhia de sempre , o jovem ajudante a quem a mae obrigara a mudar de barco;
Mas o velho pressentia que a sua sorte iria mudar. Nessa noite o antigo ajudante até lhe arranjara iscos frescos.
Saiu sosinho , desta vez foi mais para o largo...
e realmente a sorte mudara, um peixe fisgou, e pelo esticao ,era dos grandes,acertara,demorou tres dias para conseguir trazer o peixe à tona e mata-lo,jà estava muito ao largo, amarrou o enorme espadarte ao lado do seu bote e fez-se ao regresso, mas a sua titanica lutacom o enorme peixe começou a revelar-se ingloria, no regresso os tubaroes começaram a comer-lhe o peixe todo,e comeram,todinho.
Quando apòs muitas horas o velho chegou à praia jà sò trazia a cabeça do peixe e a espinha.
Alguns amigose o jovem ajudante, que tinham sentido a falta dele nestes dias esperavam-no na praia,ficaram admirados com o tamanho da carcaça.
O velho esgotado , foi dormir, com promessas que o jovem ajudante voltaria para a sua companhia..."

Bom certamente conhecerà este romance;
Nao acha que lhe falta... digamos, "parra" sim, porque a "uva" tem a mesma que o do Hemingway.

Até breve.

Dexter disse...

Tomas de Alencar. A minha vida não se pauta em contos ou romances mas sim a verdadeira realidade do quotidiano. Saia do seu mundo de fantasia e poesia. Muita gente aqui sabe bem do que falo. O senhor...se calhar, por só chegar agora está completamente a leste da verdadeira essência dos meus comentários. Até breve!